Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Coronavírus
Saúde altera organização do Centro de Vacinação

Publicado em 12/01/2022 às 16:46 - Atualizado em 12/01/2022 às 16:47


Créditos: Cinara Cristina Muller Baixar Imagem

    As festas de fim de ano trouxeram uma crescente nos casos de Covid-19 e, por isso, a busca por imunização também aumentou consideravelmente. Nesta quarta-feira (12) foram aplicadas 410 doses, número três vezes maior do que a média registrada no último mês. Por esse motivo, a Prefeitura de Gaspar, por meio da Secretaria de Saúde, alterou o planejamento no local. A vacinação continua no Centro de Convivência do Idoso, na Rua Frei Canísio, mas com indicação de idade. Nesta quinta-feira (13) será aplicado apenas segunda dose de AstraZeneca e CoronaVac e dose reforço Janssen, na sexta-feira (14) haverá apenas aplicação de primeira dose, segunda dose de Pfizer e terceira dose (para quem tomou AstraZeneca, Pfizer ou CoronaVac). A Prefeitura seguira divulgando diariamente a disponibilidade de vacinas.

     A partir de segunda-feira, dia 17, das 8h às 14h a vacinação será disponibilizada da seguinte forma:

  • Segunda-feira: Podem comparecer na Central de Vacinação pessoas com idade entre 12 a 30, para aplicação de primeira dose, segunda dose de Pfizer e terceira dose (para quem tomou AstraZeneca, Pfizer ou CoronaVac).

  • Terça e Quinta-feira: Apenas pessoas para aplicar SEGUNDA dose de AstraZeneca, da CoronaVac e dose de reforço JANSSEN.

  • Quarta-feira: Pessoas com idade entre 31 a 50 anos, para aplicação de primeira dose, segunda dose de Pfizer e terceira dose (para quem tomou AstraZeneca, Pfizer ou CoronaVac).

  • Sexta-feira: Pessoas com idade acima de 51 anos, para aplicação de primeira dose, segunda dose de Pfizer e terceira dose (para quem tomou AstraZeneca, Pfizer ou CoronaVac).

  • Não há necessidade de agendamento, apenas serão disponibilizadas doses para os grupos pré-determinados no dia. A aplicação de doses depende do quantitativo disponível.

     A mudança pretende oferecer à população um serviço ainda mais adequado, mediante à realidade atual. Novas equipes, tendas e cadeiras já foram colocadas no local para garantir mais conforto à população.

    A Secretaria de Saúde reforça que, por manter a vacinação em demanda livre, sem agendamento, as doses dos imunizantes podem acabar a qualquer momento. "Pedimos a compreensão da população. Queremos que todos tenham acesso à vacina de forma eficaz, porém dependemos do quantitativo disponível e do envio de doses por parte do Ministério da Saúde e do Governo do Estado", salienta a secretária de Saúde, Silvania Janoello dos Santos.

     Informações sobre vacinas e disponibilização de novas remessas de doses são realizadas através da Superintendência de Comunicação nos canais oficiais e através da imprensa.