---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Esporte
Gaspar suspende o uso de espaços públicos para esporte e lazer

Publicado em 21/05/2020 às 17:16 - Atualizado em 21/05/2020 às 17:16


Créditos: Cinara Muller/PMG Baixar Imagem

Analisando o número de casos crescentes da Covid-19 (novo coronavírus) em diversos lugares do Estado de Santa Catarina, a Prefeitura de Gaspar, juntamente com a Fundação Municipal de Esportes e Lazer - FMEL, lançou uma portaria nesta quarta-feira (21), que suspende a utilização de espaços públicos para esporte e lazer. O objetivo é diminuir o risco de contágio e a proliferação do vírus, para que as atividades possam voltar com segurança o mais breve possível e para garantir a saúde de toda a população, incluindo dos esportistas.

 

Os espaços referenciados por essa portaria são as academias ao ar livre, áreas de lazer, parquinhos infantis, o Centro Integrado do João dos Santos, bem como o ginásio, o Complexo Esportivo da Vila Isabel, o Ginásio de Esportes Wilmar Suly Pereira e os demais espaços esportivos públicos. Para garantir o cumprimento da portaria, diversas ações serão aplicadas pelo município, como a implementação de placas informativas, o isolamento físico de áreas de lazer e de academias ao ar livre e o incentivo da prática esportiva de forma individual. A FMEL já publicou uma matéria com dicas como realizar atividades físicas nesse período. A portaria permanecerá em vigor no município por tempo indeterminado.(https://www.gaspar.sc.gov.br/noticias/index/ver/codMapaItem/20033/codNoticia/616440).

 

No dia 11 de maio, o Governo do Estado de Santa Catarina, juntamente com a Fesporte (Fundação Catarinense de Esportes) publicou uma portaria em que liberava a volta dos treinamentos esportivos profissionais, porém, com várias restrições. "A equipe técnica da FMEL analisou esta portaria e concluiu que para as modalidades que temos no município, não seria viável a volta das atividades de treinamento, nem para a instituição e nem para os atletas e treinadores", salienta Roni Muller, presidente da FMEL.

 

Essa portaria tem como objetivo preservar a saúde do povo gasparense, tomando como exemplo casos de outras cidades. “Sabemos que o papel da FMEL é incentivar e dar condições para a prática esportiva e o lazer na cidade, mas neste momento nossa maior preocupação é a saúde e as vidas, por isso fizemos essa análise e chegamos a conclusão que a melhor solução seria a restrição desses no momento”, conta Roni. “Esperamos que essas atitudes nos ajudem a vencer o quanto antes esse problema, para que todas as atividades sejam retomadas da melhor maneira possível e nosso trabalho para o crescimento do esporte e lazer continue”, finaliza.